segunda-feira, março 12, 2007

Nota

Cuidai: o cristianismo, é passar a ser-Te directamente.

18 Comments:

Blogger Klatuu o embuçado said...

? Huummm? Ou não percebi, ou estás cada vez mais herético! :)

Abraço.

6:32 da tarde  
Blogger Alessandro said...

Poderia acrescentar meu blog em suas indicações?
Nome: Apologeta
Endereço: http://apologeta.blog.com
RSS: http://apologeta.blog.com/rss/

3:16 da manhã  
Anonymous ubik said...

Te-s(c)er.
Uma nota solamente.
Parece o samba do Jobim.
:>)

12:33 da tarde  
Blogger caminante said...

Sí, llegar a ser Él. Sin perder mi identidad: "Vivo yo, mas no yo, es Cristo quien vive en mí".
No sé, Víctor amigo, si interpreté bien tu pensamiento.
Un fortísimo abrazo.

9:41 da manhã  
Anonymous Maralto said...

O ubik deve andar nos estigmas de Palmer Eldricht, na Chew-Z ou na Can-D.
Abraco

11:52 da manhã  
Blogger Vítor Mácula said...

?Hooooooooo? Nem de propósito ou só de providência, Klatuu… É que há probabilidades mui grandes do post seguinte ser o instigado por um murmúrio da ribeira negra já há muito tempo, a saber: acerca da heresia ;) e que só não postei porque o ambiente com o referendo and so on não me deu vontade nenhuma de tal (como sabes houve até “anátema est!” para aí gritados…)

Do que percebo do teu comentário, penso que o problema não tem que ver com heresia (mas isso, deixemo-lo para o próximo post) mas com misticismo (isto é, uma relação directa, uma comunhão com Deus sem passar pela mediação sacerdotal que não seja a do próprio Deus incarnado). Dito isto, é claro que há uma relação profunda entre experiência mística e heresia (mas deixemos isso etc)

Mas isso é um tese de fundo cristã… rasga-se o véu do templo, o divino irrompe directa e plenamente na natureza humana, a linha entre o profano e o sagrado é levantada e tudo é renovado ;) Isto não elide a evidente necessidade histórica e social de organizar-se a “assembleia dos fieis”, e que esta tenda, tanto legitima como ilegitimamente, a ter instâncias mediadoras e reguladoras da consciência e dos comportamentos… como toda a grupalidade.

Mas o fundamental é a relação directa com Deus, a partir da qual sou enquanto cristão chamado a orientar a minha pessoalidade e grupalidade. Em termos históricos do cristianismo, Lutero é aqui fundamental (sobretudo pelas consequências sociais e políticas que tal acarretou).

Abraço, combatente.

1:10 da tarde  
Blogger Vítor Mácula said...

Caro Alessandro… refere-se a indicar dicções e contradições?... Bem, porque não… Até porque fui espreitar o seu blog, e no momento em que o fui, a par da sua condenação dos protestantes como falsa religião, tinha nos anúncios google uma remissão para uma igreja baptista… Anda a ganhar dinheiro com falsificadores?... Por tal esplendorosa e artística ironia, vá, quando for ao template linko-o… :P Abraço

1:17 da tarde  
Blogger Vítor Mácula said...

Olá, Ubik.

Do Livro de Job-in?... :) É que o Jobim não é nenhum Yves Klein e costuma usar várias notas nas suas músicas...

Abraço

1:20 da tarde  
Blogger Vítor Mácula said...

Olá, caro Caminante.

Claro. Sem perder a minha identidade, e directamente sempre à mão (isto é, à oração e à consciência que busca e apela).

Abracíssimo

1:22 da tarde  
Blogger Vítor Mácula said...

Maralto, Maralto... pois, ainda para além de além da Taprobana, quiçá, infinita é a via e infindos os trajectos.

E volta-se ao homem duplo.

Para depois...

Quase como aprender a andar de bicicleta.

("Avança, memória, com a tua bicicleta.
Sonhando, as árvores crescem ao contrário.
Apresento-te novembro: avião
limpo como um alfabeto. E as praças
dão a sua neve descascada."
- disse um poeta não estranho às actividades lisérgicas.)

Ou cair ao mar tempestuoso na Costa da Caparica e voltar (Há mar e mar...), ficar estonteado e beber vinho e adormecer sem sonhar, como o faria, ao contemplarmos a nossa própria morte é a vida que se apresenta como sonho e fugacidade...

;)

Abraço, caramelo, abraço, carago.

1:31 da tarde  
Blogger Vítor Mácula said...

Este comentário foi removido pelo autor.

3:52 da tarde  
Blogger Vítor Mácula said...

Ah, Klatuu.

Falta evidentemente acrescentar que é a partir da relação pessoal com o divino, e com os outros a partir desta e na mutualidade, que se constitui "de facto" o corpo místico - que não trata, como o próprio termo (embora o adjectivo não seja da lavra de S. Paulo...) o indica, duma alegoria da sociabilidade geral em que cada qual concorre para o todo, mas sim que todos e cada qual estão plena e directamente em comunhão com o divino, ou a tal devem tender com todas as suas forças e disponibilidade. Trata-se duma realidade de fé, com a sua correlata tarefa de conversão. É neste contexto também que se dá o sentido do famoso "não há grego nem judeu, homem nem mulher etc, todos sois um em Cristo", e não numa massificação acéfala nem, pelo seu aparente contrário, numa acéfala igualitarização de vozes e acções.

3:55 da tarde  
Blogger Goldmundo said...

Murmúrio... não me lembro qual. Mas tem graça (Graça?) ando a pensar no mesmo. Ou talvez na mesma palavra, apenas.

Abraço

6:16 da tarde  
Blogger Klatuu o embuçado said...

Venha lá a alegoria herética! ;)

Abraço.

12:41 da manhã  
Blogger Vítor Mácula said...

Bem, como sai ao segundo dia da semana, comme d’ habitude, depois do glorioso oitavo dia de que sai o primeiro… e já neste próximo… não vou agora, maister, em busca nos arquivos onde foi tal rumorejar ribeiresco, porque já nem sei em que post foi e penso que foi ainda no ano passado… enfim, igualmente costumeiras, estas delongas minhas… ;) Mas foi numa blog-conversa com o Klatuu (ou com o bispo da sua paróquia, sei lá eu;) em que tu disseste que seria interessante pôr num post a definição de heresia que eu para lá avançava…

Graça e Aleg(o)ria, e bom fim de semana

4:33 da tarde  
Anonymous Consciente said...

Consciencializem-se.
encontrei isto e tem toda a lógica
http://profile.myspace.com/index.cfm?fuseaction=user.viewprofile&friendid=91755599

11:54 da tarde  
Blogger Vítor Mácula said...

Caro Consciente.

Ecoei o seu comentário num comentário também ao da Hellena Corvo no post seguinte "Herética"... porque fez sentido.

Abraço.

1:07 da tarde  
Blogger freefun0616 said...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,酒店,

2:02 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home