segunda-feira, dezembro 29, 2008

Nota

Correspondência: uma simetria divergente, uma inqualificável geometria.

Só aí o divino, só aí o de fora se mostra dentro.

Ponto de fuga que converge, ponto de máxima fuga que irrompe.